"Dar "mute" na vida... para "ouvir melhor" sugere a Joana Cruz

UMA CRÓNICA SEM SOM... PARA VER MELHOR

JOANA CRUZ


Dar mute na vida

Gosto de ver televisão sem som.

Parece já meio coisa de velhinha, de pessoa que já não quer saber o que os outros têm para dizer, então usa o botão do mute – que às vezes na vida real dava um jeitão.

Mas não é essa a ideia. A ideia é mesmo captar nas micro expressões das pessoas, coisas que com o ruído natural de toda uma envolvência na comunicação se perdem na percepção.

E se for a pensar bem tenho andado a tentar reduzir o ruído à minha volta, nem sempre para perceber melhor os outros, mas para me ouvir melhor a mim.

Porque muitas vezes o que não nos permitimos é ouvir o que nos vem de dentro. Ouvir o que realmente somos ou queremos ser.

Se há poder maior do que o da consciência, eu não sei qual é. Porque sermos conscientes começa a parecer-me ser o maior do valor do ser humano.

E quando assim entendemos a nossa existência, não há força maior que não consigamos criar para nós.

E agora vou só ali pôr som à televisão que ler nos lábios, mesmo assim, nunca foi o meu forte.


Joana Cruz


Crónica publicada no jornal Destak de 13 de Maio 2021


  • Partilha:

Top